terça-feira, 17 de janeiro de 2012

PERDÃO (Parte 2) "A ofensa"


Boa tarde a todos os seguidores de Somos Respostas de Orações, como prometi estou aqui novamente a falar de mais um tema do Tópico “PERDÃO: Você não dá, você não Recebe”. Hoje quero falar sobre O TEMA: “A OFENSA”, e espero que você esteja se preparando para aprender juntamente comigo o que fazer diante da ofensa, extraído do livro: “A ISCA DE SATANÁS”. Boa leitura!

Qualquer pessoa que já tenha feito uma armadilha para animais sabe que precisa de uma ou duas coisas para obter sucesso: ela deve esta bem escondida, na esperança de que o animal tropeçará nela, e deve haver uma isca para atrair o animal para dentro dessa armadilha mortal.
O inimigo de nossa alma incorpora essas duas estratégias para montar suas mais mortais e enganosas armadilhas. Elas estão sempre bem escondidas e com iscas.
Satanás, juntamente com seus comparsas, não é tão espalhafatoso como cremos, é sutil e seu maior deleite está no engano, é astuto e ardiloso quando opera. Nunca se esqueça de que ele pode disfarçar-se como mensageiro de luz. Se não fomos treinados pela palavra de Deus para separar corretamente o que é bom do que é mau, não reconheceremos suas armadilhas como realmente são.
Uma de suas iscas mais enganosas e traiçoeiras é algo com que todo crente se depara: A OFENSA. Na realidade, a ofensa não é mortal: ela fica na armadilha. Mas se a pegarmos, ao consumirmos e alimentamos nossos corações com ela, ficaremos escandalizados. Pessoas escandalizadas produzem frutos como dor, raiva, ciúme, ressentimento, amargura, ódio ou inveja. Algumas das conseqüências de permitirmos ser escandalizados são insultos, ataques, divisão, separação, relacionamentos quebrados, traição e tropeço.
Muito freqüentemente, aqueles que são escandalizados não percebem que caíram na armadilha. Não estão cientes de sua condição, por se concentrarem no mal que lhes fizeram. Estão negando sua situação. O modo mais eficaz que o inimigo usa para nos cegar é fazendo com que nos concentremos em nós mesmos. Estar livre da ofensa e do escândalo é essencial para cada crente, porque Jesus disse: “É inevitável que venham  escândalos”.
Estamos passando dentro das igrejas por mais divisões entre os crentes, líderes e congregações. A razão: a ofensa é violenta quando vem da falta de amor genuíno. “O saber ensoberbece, mas o amor edifica” (1 Co 8:1). Muitos são pego na armadilha do engano e passamos até acreditar que esse é um modo de vida normal.
Não se esqueça: O AMOR EDIFICA! Na fé Letícia Ferreira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...