sexta-feira, 3 de fevereiro de 2012

Chegou a Hora da Verdade! "Mómons nunca mais"...


Com acesso à internet, mórmons descobrem controvérsias históricas da Igreja e abandonam a religião.

A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias vem enfrentando uma crise sem precedentes nos Estados Unidos, devido à internet, onde são encontradas notícias e fatos históricos de forma abundante.
Como no decorrer da história os líderes Mórmon eram quem decidiam o que os membros iriam ler ou ser ensinados sobre a história da igreja, o crescimento foi garantido por muitos anos. Porém, com o advento da internet, muitas informações ficaram disponíveis e acessíveis a qualquer um, a qualquer hora.
Esse fato tem preocupado a liderança, pois controvérsias da história da igreja tem vindo à tona no meio dos membros, segundo o blog “O Contorno da Sombra”. O jornal “The Salt Lake Tribune”, da cidade Salt Lake City, capital do estado fundado por mórmons, Utah, publicou recentemente um artigo escrito pelo jornalista Peggy Fletcher Stak em que ele relata dois casos sintomáticos da crise: um professor da Escola Bíblica consultou a internet para preparar sua aula e descobriu que o Livro de Mórmon, base da religião, teria sido plagiado de uma outra obra. Há também o caso de um adolescente que pesquisando a história da igreja na internet, descobriu que o fundador da denominação, Joseph Smith, havia tido várias esposas e inclusive, casado com uma adolescente de 14 anos de idade.
Outras controvérsias da história dos Mórmons tem causado dúvida nos membros e provocado desligamentos da igreja, e a liderança teme que essa debandada aumente. As acusações de plágio, que também pairam sobre outro importante livro da religião, “A Pérola de Grande Valor”, e os 130 anos do banimento de negros da plena comunhão da igreja, são fatos históricos que perturbam tanto membros, quanto líderes mórmons.
Para reagir à crise, o líder e historiador oficial da Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias, Marlin Jensen, foi designado para responder às dúvidas dos membros e tentar acalmá-los. Em entrevista ao “Tribune”, Jensen declarou que “nunca antes tínhamos enfrentado essa era da informação, com redes sociais e blogs publicando pontos de vista sem investigá-los adequadamente. A igreja está preocupada com a desinformação e informações distorcidas, mas estamos fazendo o nosso melhor e tentando duramente fazer com que a nossa história seja contada de maneira acurada”.
O líder e historiador também ressaltou que as questões relacionadas à poligamia são mais simples de explicar e resolver, pois essa doutrina não é mais praticada entre os mórmons e não são necessariamente pertinentes ao que se ensina no presente. A igreja não faz nenhum esforço para esconder ou obscurecer a sua história”, afirma.
Outro fator que vem atraindo holofotes para a Igreja é a exposição do pré-candidato republicano à presidência dos Estados Unidos, Mitt Romney, que é mórmon e tem tido sua vida e crença vasculhada pela imprensa.  Fonte Gospel +.
Heresias de Joseph
Em 1823, disse o Joseph Smith que ele foi visitado por um anjo nomeado Moroni que lhe contou um registro antigo que contém os procedimentos de Deus com os habitantes anteriores do continente americano. Joseph foi mostrado o local de floresta do esconderijo do registro pelo anjo. Lhe, porém, foi falado também que ele deveria esperar outros quatro anos antes de poder obter o registro, e que até então ele cada ano deveria voltar ao mesmo lugar para receber instruções adicionais. Em 1827, Joseph pôde finalmente recobrar o registro que se inscreveu em pratos dourados. Logo após obter estes pratos dourados, Joseph Smith começou a traduzir suas palavras pelo "presente de Deus."
Agora veja o que diz A Bíblia Sagrada!
A palavra de Deus (Bíblia) diz: “Mas, ainda que nós mesmos ou um anjo do céu vos pregasse outro evangelho além do que já vos pregamos, seja anátema.
Como antes temos dito, assim agora novamente o digo: Se alguém vos pregar outro evangelho além do que já recebestes, seja anátema. (Gálatas 1:8.9). É isso aí, gente; Só Jesus Cristo é a verdade que liberta! Na fé Letícia ferreira.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...